Ceilândia desperdiça chances e perde para América-RN

Filipe Cirne desperdiçou pênalti que poderia ter mudado os rumos da partida. Foto: Raimundo Borges

O Ceilândia desperdiçou a oportunidade de sair com um placar favorável na decisão pela vaga nas quartas de final da série D 2017. Jogando em seu estádio na presença de sua torcida (e do América-RN reforçada pela do Brasiliense), o Gato Preto jogou melhor mas acabou perdendo para o Mecão pelo placar de 1×0.

No primeiro tempo o Ceilândia mandou no jogo. Teve mais domínio de bola e com um sistema forte de marcação, impediu as principais jogadas ofensivas do time tradicional potiguar. Mas as peças de ataque decepcionaram e não conseguiram marcar os gols.

Aos 12′ o zagueiro Pedrão colocou o goleiro Fred para trabalhar depois de cabecear escanteio. Mas o grande momento do jogo viria no minuto seguinte. Após a zaga americana dar rebote, Dim recuperou a bola na meia lua e acabou derrubado pelo volante Guto dentro da área. Pênalti marcado a favor do Ceilândia. Na cobrança, Filipe Cirne bateu colocado no canto direito de Fred mas a bola caprichosamente foi para fora raspando a trave.

Mesmo assim o Ceilândia seguiu melhor no jogo e teve oportunidades de abrir o placar com Betinho e Dim, mas o goleiro Fred bem no jogo não deu espaço para erros.

No segundo tempo o América ensaiou uma reação e equilibrou o jogo. Mesmo assim ofereceu pouco perigo ao goleiro Arthur. Somente aos 27′ o América chegou com perigo. O zagueiro Dão subiu mais que a marcação e cabeceou a bola na trave.

Aos 30′ o técnico Leandro Campos apostou na entrada de Jean Silva e se deu bem. Logo no seu primeiro lance, o jogador partiu pela esquerda, deu um drible desconcertante em Badhuga, tabelou com Cascata e tocou livre de marcação para o fundo das redes de Arthur.

Mesmo com a entrada de Pacujá pela direita, o Ceilândia não teve forças para empatar o jogo e acabou sofrendo a derrota no primeiro duelo pelas quartas de final. O jogo de volta entre ambos está marcado para a próxima sexta-feira (28) na Arena das Dunas. Para se classificar à próxima fase o Gato precisará de vencer por dois gols de diferença ou vitória simples com mais de um gol marcado. Caso devolva o placar em Natal-RN a decisão será nos pênaltis.

Comentários

comentarios