Com gol salvador, Gama passa pelo Paracatu

O time saudou a torcida após a vitória | Foto: Sérgio Vinícius (BloGama.Net)

O Gama venceu a segunda partida no Candangão. O alviverde foi a Paracatu/MG e venceu os donos da casa por 1 a 0, com um golaço marcado por Gilsinho. Com a vitória, o Gama divide a liderança do Candangão 2019 com o Brasiliense, ambos os times têm seis pontos, seis gols de saldo sem ter tomado nenhum gol.

Mais uma vez o Gama entrou em campo com um perfil ofensivo, já no início do jogo o time alviverde demonstrou que não se intimidaria por jogar na casa do rival e nem com o sol forte que fazia no município mineiro.

No início do jogo, Gama e Paracatu tentavam jogadas de profundidade para seus atacantes, ambas as equipes atuaram com um atacante centralizado e dois nas pontas.

O primeiro lance de perigo real do Gama só surgiu aos 33 minutos do primeiro tempo. Wisman fez boa jogada pela esquerda e tocou para Tarta. O volante gamense cortou para o lado e bateu pro gol rasteiro, a bola raspou a trave do goleiro Gabriel.

Quem assustou no finalzinho do primeiro tempo foi o Paracatu. No último minuto do período regulamentar do primeiro tempo, o centroavante Leandro Aguiar passou por três marcadores do Gama e chutou no canto, a bola também tirou tinta da trave.

O Gama não deixou barato, no lance seguinte, aos 46 minutos do primeiro tempo, Gilsinho recebeu na intermediária e chutou para o gol, a bola entrou no canto esquerdo do goleiro tricolor. Paracatu 0x1 Gama.

Toque de bola e segurança
Com a vantagem no placar, o Gama aproveitou o segundo tempo para tocar a bola e colocar o time adversário para correr. A estratégia funcionou e o Periquito utilizava toques rápidos para tentar furar a defesa do Paracatu.

Controvérsia
O Gama levou perigo à meta adversária em dois lances de escanteio, no primeiro, Emerson, na linha da pequena área, cabeceou mas o goleiro tirou a bola. Na cobrança seguinte, mais uma vez Emerson, cabeceou forte, a bola bateu no travessão e caiu, os defensores paracatuenses afastaram como deu. A torcida e o time do Gama pediram gol no lance.

Formação diferente
O Gama entrou com uma escalação diferente da que foi utilizada na estreia contra o Bolamense. Na goleada, o meia Norton sentiu e saiu no segundo tempo, por conta disso, o volante Tiago Gaúcho assumiu a vaga e compôs o meio com Tarta e Gilsinho, ajudando na marcação e deixando o setor mais difícil de ser penetrado pelos passes do Paracatu.

No segundo tempo o treinador Vilson Tadei tirou Gaúcho e colocou Lucas Dias. Outro volante gamense roubou a cena, Wagner Balotelli entrou no lugar de Gilsinho e demonstrou muita disposição ao levar a bola ao ataque em diversos momentos.


Ficha Técnica:

Paracatu 0x1 Gama
Campeonato Candango de 2019

30 de janeiro de 2019
Estádio Frei Norberto, 16h30h

Paracatu
Gabriel; Henrique, Pierre, Hícaro e Magal; Zé Wilson, Acerola , Davi e Carlos Henrique (Cecel); Leandro Aguiar e Richely (Rafael Pilões).
Técnico: Joel Cornelli

Gama
Rodrigo Calaça; Alex Santos; Samuel, Emerson; Mário Henrique; Tarta, Tiago Gaúcho (Lucas Dias); Gilsinho (Wagner Balotelli); Jefferson Maranhão, Wisman e Vitor Xavier (Júlio César)
Técnico: Vilson Taddei

Gol: Gilsinho (46’/1ºT)  
Cartão amarelo: Tiago Gaúcho (GAM); Rodrigo Calaça (GAM); Wisman (GAM) e Zé Wilson (PAR)
Público e renda: 700 pagantes (R$ 7.000,00)

Árbitro:  Sávio Sampaio
A1: Ciro Chaban
A2: Westhane Cassiano
Quarto Árbitro: Maguielson Lima
Inspetor: Geufran Almeida

 

Álbum de fotos:

Comentários

comentarios