Penúltimo amistoso tem vitória magra do Gama

O Gama venceu o time do Ceilandense por 1 a 0 no penúltimo amistoso do Periquito antes de começar oficialmente a temporada 2019.  O gol da partida foi marcado de pênalti aos 30 minutos do segundo tempo por Betinho.

Lesões e mudança no time titular
Por conta de desconfortos musculares, o volante Tiago Gaúcho e o zagueiro Samuel foram poupados do jogo.

O zagueiro gamense sentiu a coxa no amistoso contra o Goianésia no último sábado e fez somente trabalhos regenerativos. Já Tiago Gaúcho sentiu um pequeno desconforto muscular no dia anterior à partida e foi poupado para evitar maiores lesões.

Para substituir os dois, Vilson Tadei escolheu o jovem zagueiro Lúcio para a vaga de Samuel, e o versátil Tarta no lugar de Tiago Gaúcho.

Quem também foi prejudicado no jogo foi o centroavante Nunes. O atleta deixou o jogo no final do primeiro tempo contra o Ceilandense após também sentir fisgadas na perna, sendo substituído por Betinho.

Escalações
Na primeira etapa, compuseram o time titular do Gama: Rodrigo Calaça (GOL); Alex (LD); Lúcio (ZAG), Emerson (ZAG); Mário Henrique (LE); Tarta (VOL); Norton (MEI), Gilsinho (MEI); Jefferson Maranhão (ATA), Vitor Xavier (ATA) e Nunes (ATA) (Betinho-ATA).

Os jogadores de linha foram substituídos no segundo tempo, entraram: João Paulo (ZAG), Gusttavo (ZAG), Lucas Dias (VOL), Wagner Balotelli (VOL), Felipe Tavares (LD), Cleidson (LD), Gordo (MEI), Wisman (ATA), Júlio César (ATA) e Betinho (ATA), este último entrou no final do primeiro tempo.

Chances desperdiçadas
No primeiro tempo, o torcedor que compareceu o CT Ninho do Periquito ficou impressionado com a quantidade de chances desperdiçadas pelo Gama.

O lance mais perigoso saiu em jogada de Vitor Xavier que recebeu a bola na intermediária quando o cronômetro marcava 19 minutos. O atacante tocou para o lateral direito Alex que passava pela ponta. O jogador gamense saiu sozinho na frente do goleiro e chutou para fora.

Quem também teve uma ótima chance foi o centroavante Nunes. Com 35 minutos do primeiro tempo já passados, o atacante recebeu cruzamento de Jefferson Maranhão e cabeceou para o gol, o goleiro fez boa defesa e evitou o gol dos donos da casa.

No segundo tempo o placar quase foi aberto com o atacante Wisman aos 15 minutos. O lateral direito Felipe Tavares cruzou a bola, Wisman chegou bem e chutou forte, a bola bateu no travessão e voltou.

O gol do jogo saiu dos pés de Betinho, que converteu pênalti aos 30 minutos da etapa final do jogo.

Tadei quer melhorar a finalização
De acordo com o treinador do Gama, Vilson Tadei, com este jogo-treino ficou claro que o time precisa melhorar as finalizações para o Candangão. “Tivemos 8, 9, 10 chances e a bola não quis entrar. Precisamos ser um pouco mais objetivos, não podemos errar tantos gols. O que me deixa mais tranquilo é que criamos muitas oportunidades. Vamos corrigir, vamos dar mais ênfase nesse trabalho para que na estreia possamos ter uma equipe mais efetiva”, disse.

Hora de aparecer
Para o atacante Betinho, responsável pelo único gol do jogo, é preciso aproveitar os treinamentos para chegar forte no Candangão. “Todo mundo sabe que existem detalhes a melhorar, eu mesmo sei do que preciso trabalhar. Estou buscando minha melhor forma física e aos poucos chegar ao ideal. Montaram um elenco muito forte no Gama com a expectativa de brigar pelo título, que é o mínimo pelo tamanho do Gama”, afirmou o jogador.

Mais um amistoso
O torcedor gamense poderá mais um teste do Gama antes da estreia no Campeonato Candango. O gama receberá o Taguatinga no Bezerrão no próximo domingo (20/01) às 17h. A partida será uma prévia mais realista do que o alviverde enfrentará no Candangão, o time azulino também fará parte da competição.

Comentários

comentarios