TJD suspende Segundinha

O Campeonato Candango da Segunda Divisão 2017 deveria ter seu início neste próximo final de semana. Nove clubes entrariam em campo brigando por duas vagas na elite candanga em 2018. Porém o TJD-DF decidiu suspender o torneio graças à um pedido feito pelo presidente do Capital, Ademilton “Pavão”.

Segundo pedido formulado pelo dirigente, o Capital foi impedido de participar da competição por decisão do Presidente da Federação de Futebol do DF Erivaldo Alves de forma arbitrária. Cobrou ainda a falta da publicação da ata do Arbitral do dia 25 de maio. O presidente do TJD-DF Henrique Celso decidiu acolher o pedido do dirigente e suspendeu o campeonato até que a Federação inclua o clube na competição.

O Capital que se licenciou da edição do ano passado estaria com pendências cadastrais junto à CBF e à própria Federação. O clube sequer possui jogadores registrados. Ao que parece, tudo indica que a briga é política: Pavão e Erivaldo já teriam atritos desde a época da malfadada eleição de Jozafá Dantas (que acabou retirado do cargo de presidente da FBF após assembléia convocada pelos clubes). Erivaldo assumiu o mandato tampão e ano passado foi eleito para mais quatro anos à frente da Federação.

Sem tempo hábil para recorrer, resta à Federação acatar o pedido e suspender o campeonato. Erivaldo pode recorrer da ação ou obedecer à ordem judicial incluindo o Capital no Campeonato. A alternativa mais provável é a primeira.

Enquanto isso nove clubes que vinham se preparando para entrar em campo serão obrigados a mudar toda a sua programação à espera da decisão. Mais um triste capítulo escrito no nosso futebol tupiniquim…

Comentários

comentarios